Com informações do Comitê de Apoio ao AND – Belém 

Na manhã do último dia 30 de junho, aproximadamente dez mil pessoas marcharam pelas ruas de Belém durante Greve Geral. O ato, convocado por diversas centrais sindicais da região, contou com a participação de estudantes, sindicalistas e trabalhadores que acompanhados de carros de som gritavam palavras de ordem como “Fora Temer e suas reformas” e “Brasil vai muito mal, a solução é construir Greve Geral”.

Na grande Belém também foram exitosos os bloqueios e barricadas. Na Avenida Almirante Barroso manifestantes bloquearam a via com pneus em chamas e entulhos. E na Rodovia Arthur Bernardes, manifestantes do Sindicato dos? Petroleiros interditaram um trecho da via durante cinco horas.

A capital paraense segue na luta ao lado de outras cidades do Brasil pela derrubada das “reformas” trabalhista e previdenciária do gerenciamento Temer e sua quadrilha.